Peeling de Diamante: saiba os benefícios desse procedimento para a sua pele

Após o período de férias, devido os excessos sob o sol, exposição ao cloro e água do mar a pele apresenta desidratação, poros obstruídos, oleosidade excessiva e manchas.

Para recuperá-la destes danos o primeiro passo é realizar uma limpeza de pele, repor a hidratação para então iniciar qualquer tratamento.


Os peelings são coringas nos tratamentos estéticos devido seu poder de renovação, porém, nesta época do ano os peelings químicos não são indicados, mas existem outras técnicas excelentes que podem dar nova vida a sua pele, e uma destas técnicas é o maravilhoso peeling de diamante.

O peeling de diamante consiste em uma microdermoabrasão, ou seja, realiza uma esfoliação/descamação suave para estimular a regeneração da pele e formação de colágeno; o procedimento é realizado através de uma caneta com ponteira que possui uma espécie de lixa diamantada, conectada a um aparelho com sistema de vácuo que promove a esfoliação da pele.


Menos agressivo que os peelings químicos, o peeling de diamante não requer “repouso absoluto” a luz solar, por isso ele pode ser realizado a qualquer época do ano, mas, obviamente requer proteção caso realize alguma atividade ao sol, jamais se expor ao sol sem filtro solar.


É indicado para tratar linhas finas, marcas de expressão, manchas, prevenir rugas, tratar flacidez, amenizar cicatrizes de acne, estrias e auxiliar em tratamentos de rejuvenescimento e revitalização, ajuda a afinar a pele tornando mais fácil a absorção dos dermocosméticos.


Totalmente indolor, a pessoa submetida ao tratamento sente uma leve compressão, como se estivesse sugando levemente a pele.


Apenas para tratamento de estrias e cicatrizes é necessário um pouco mais de abrasão para atingir o objetivo de melhorar a circulação e regenerar o tecido, fazendo a pele apresentar leve vermelhidão após o procedimento que desaparece até 24 horas.

Os resultados são progressivos, após algumas sessões já é possível notar a melhora nos contornos da pele, que apresentará mais viço, uniformidade, hidratação e oleosidade controlada, acompanhado dos cuidados em casa claro, afinal nenhuma técnica funciona isoladamente.

Contraindicações

O peeling de diamante é contraindicado para pele muito sensível, com rosácea, acne a partir do grau II que apresente pápulas, pústulas e inflamações.


Gostaram das dicas?


Beijos e até a próxima!

9 Comments

  1. Lucimar da Silva Moreira 13 de fevereiro de 2017
  2. Gisele Rocetti 13 de fevereiro de 2017
  3. Unknown 13 de fevereiro de 2017
  4. Minda Silva 14 de fevereiro de 2017
  5. Diana Rocha 14 de fevereiro de 2017
  6. *Mulher Virtuosa By Vany* 15 de fevereiro de 2017
  7. Tyci Okabayashi 19 de fevereiro de 2017
  8. katia soares 19 de fevereiro de 2017
  9. Anônimo 23 de fevereiro de 2017

Add Comment