Beleza Verde: Benefícios dos ativos vegetais e plantas medicinais para os cabelos

Oi gente!

No Beleza Verde de hoje, vou apresentar para vocês um pouco sobre os benefícios dos principais ativos vegetais e plantas/ervas medicinais, para os nossos cabelos. Vou citar os mais populares, que encontramos com facilidade no mercado.

Muitas vezes compramos produtos com ativos vegetais, mais ficamos na dúvida para quê serve aquele tal ativo vegetal da composição. Não sabemos ao certo se é bom para o nosso tipo de cabelo, qual o resultado, finalidade, etc. Então, fiz uma pesquisa básica, para esclarecer um pouco essas dúvidas:


Ativos vegetais mais conhecidos dos cosméticos e seus benefícios capilares: 


Babosa: A babosa auxilia no tratamento dos fios que, com o uso de secadores, poluição e produtos químicos, ficam com as cutículas danificadas. Da babosa é retirado o extrato que tem penetrabilidade nos fios, fecha as cutículas e melhora o brilho.

Jojoba: A planta tem uma função semelhante à da babosa: a jojoba tem o mesmo tipo de propriedade. É selante, tem ação antiinflamatória e antioxidante.

Sálvia: A ação mais importante é a antiinflamatória. Esta é uma das propriedades mais importantes para o cabelo. Para potencializar o efeito: o uso do silicone como veículo ajuda a selar a cutícula.
 

Alecrim: Antiinflamatório, ajuda no controle da oleosidade.

Jaborandi: O jaborandi tem propriedades que estimulam a circulação sanguínea. Com mais oxigenação, os cabelos ficam fortalecidos. Por isso, a planta é muito usada para auxiliar no tratamento para crescimento de cabelo.

Camomila: A camomila tem ação clareadora, promove a despigmentação do fio. Os cabelos ficam mais claros. Serve para os mais escuros. Mas para isso, os dermatologistas não recomendam usar o chá. “O veículo do chá, a água, acaba ressecando, desidratando o cabelo”. Vale investir em produtos com a substância. Nada também de se expor ao sol para potencializar o efeito clareador. Dermatologistas advertem que isso pode provocar manchas se o produto escorrer. “Os produtos não têm esta indicação. A química dos condicionadores, leave-in, reagem à radiação ultravioleta ao longo do dia. São feitos para aplicar e ficar exposto à radiação do dia”. 

Calêndula: A calêndula está presente na fórmula de alguns shampoos para cabelos claros, pois sabe-se que o extrato dessa planta contém, assim como a camomila e a macela, um pigmento amarelo responsável por acentuar a cor dos cabelos de tons castanho claro a louro dando-lhes reflexos dourados de forma natural e gradual. Além disso é indicada para casos de descamação ou oleosidade excessiva do couro cabeludo.



Quase de A a Z: Outras plantas/ervas medicinais e seus benefícios para os cabelos:

Alecrim: tônico capilar, antiqueda, ajuda crescer, dá brilho, anticaspa, escurece e fortalece;

Alfavaca: antiqueda, escurece, dá brilho;

Alfazema: shampoos /cabelos queimados do sol, chá /enxaguar cabelo oleoso, piolhos;

Amora: folha, escurece e fortalece;

Arnica: fortalece e dá brilho;

Arruda: contra piolhos;

Avenca: anti-calvice, antiqueda, adianta um capílo, dá brilho;

Babosa: ajuda crescimento, retarda calvície, antiqueda, fortalece, hidrata, regenera,caspa, seborréia, condicionador capilar, queimaduras do sol, cabelos secos;

Bálsamo: para calvície, fortalece os cabelos;

Bardana: folhas, caspa e seborréia. Raízes, escurecer os cabelos;

Calêndula: fortalece os cabelos, bom para cabelos secos;

Capuchinho: cresce e fortalece;

Castanha da índia: queda de cabelo, cabelo fraco, fortalecimento capilar;

Cavalinha: tônico capilar;

Cebola: casca, clareia os cabelos;

Erva de Bicho: crescer cabelos;

Hibisco: para shampoo de cabelos escuros;

Hortelã: fortalece, escurece e dá brilho aos cabelos;

Jaborandi: cresce e fortalece;

Malva: fortalece os cabelos;

Manjerona: escurece e fortalece os cabelos;

Marcela: estimula a circulação capilar, antiqueda, clarear cabelo, protetor solar;

Mil Folhas: retira a oleosidade dos cabelos;

Oregano: anticaspa (enxaguar os cabelos com o chá das folhas);

Pata de Vaca: caspa do couro cabeludo, lavar com o chá das folhas;

Salsinha: fortalece e dá brilho;

Sálvia: escurece e fortalece;

Sândalo: escurece e fortalece;

Tansagem: crosta e alergia no couro cabeludo;

Tiririca: cresce, fortalece, contra queda, ativa o enraizamento;

Trapoeraba: cresce e fortalece (shampoo);

Urtiga: contra a queda de cabelos, especial para shampoo.

Cada tipo de cabelo, uma planta certa:

Agora, saiba certinho, pelo seu tipo de cabelo, quais são os melhores ativos vegetais e plantas/ervas medicinais:

Cabelo seco – salsa (ramos), salva (folhas), urtiga (folhas), malvaísca.

Cabelo oleoso – alfazema (flores), calêndula (flores), rosmaninho (flores), hortelã (folhas).

Cabelo com caspa – camomila (flores), rosmaninho (flores), salsa (ramos), tomilho (flores).

Para tonificar o cabelo – calêndula (flores), rosmaninho (flores), salsa (ramos), agrião (folhas), salva (folhas)

Agora, vou indicar para vocês, alguns ótimos produtos que possuem esses ativos citados aqui (para comprar, clique na imagem, você será direcionado à loja e lá tem outros produtos):


Sal da Terra – Shampoo de Jojoba e Amêndoas doce

Sal da TerraShampoo de Jaborandi e Oliva

MultiVegetal – Shampoo de Camomila

Arte dos Aromas Shampoo de Andiroba Orgânico

Existem outras marcas no mercado, que possuem ativos vegetaisnão são orgânicas, mas também são muito boas – tais como: Phytoervas, Bioextratus, Natura, Ecologie, Éh, Ox, entre outras.

Bom, espero que tenham gostado! Agora quando for comprar um cosmético com ativo vegetal já dá para escolher direitinho, né?

Abraços,

  

13 Comments

  1. Erika Nasch 5 de março de 2013
  2. Cibele Lima 5 de março de 2013
  3. Rose 5 de março de 2013
  4. Cibele Lima 5 de março de 2013
  5. Unknown 5 de março de 2013
  6. Unknown 5 de março de 2013
  7. Cibele Lima 5 de março de 2013
  8. Cibele Lima 5 de março de 2013
  9. Hey Terráqueos 5 de março de 2013
  10. Cibele Lima 5 de março de 2013
  11. . 22 de abril de 2013
  12. Cibele Lima 22 de abril de 2013
  13. . 22 de abril de 2013

Add Comment